Engenharia ClínicaCusto de Manutenção

Você sabe o custo de manutenção mensal de cada equipamento de seu hospital? Quais as peças que foram trocadas e porque mês a mês? Consegue identificar e explicar porque alguns de seus equipamentos tem até 1000% de custo a mais que outros, com a mesma idade e marca?

Se você respondeu não para alguma dessas perguntas significa que você precisa melhorar seu controle de custo dos equipamentos. Você pode estar perdendo dinheiro simplesmente por não identificar e gerenciar da forma correta os custos de cada equipamento.

Neste artigo mostrarei como criar e manter um controle simples e eficiente no excel para fazer isso. Chega de desculpas do tipo: “ah, mas não tenho um software para isso”, “ah, mas deve ser muito complicado fazer isso no excel”, “ah, vou perder o mês inteiro pra controlar essas informações”. Posso assegurar que com esse controle funcionando, você perderá apenas alguns minutos por mês para mantê-lo atualizado.

Pra começar crie uma planilha no excel, depois crie as colunas de: data, equipamento, marca, peça, motivo da troca, tipo de manutenção.

Inclua mais linhas no relatório para obter a média de custo por equipamento. Caso tenha outras marcas do mesmo equipamento, separe a média do custo por marca.

Por fim você poderá personalizar a aparência do seu relatório para ser entregue a gerência ou direção mensalmente.

Com esse relatório em mãos você terá um grande poder de informação para analisar os custos e traçar ações visando melhorar a relação custo X equipamento.

Dicas para introduzir esse relatório na rotina:

– Apronte o controle e alimente com algumas informações;

– Converse com seu superior sobre a necessidade do relatório e os benefícios

– Converse com sua equipe e garanta que as informações estarão atualizadas.

– Mantenha a tabela sempre atualizada. Quando houver troca de peças em qualquer equipamento lance no controle;

– Atualize o Relatório sempre no início do mês;

– Reúna a equipe de Engenharia Clínica e faça uma análise do Relatório, do mês anterior, comparando com o histórico, com outros equipamentos similares e avalie o PORQUE de cada custo.

– Levante algumas idéias ou sugestões de melhorias nos custos;

– Discuta esses dados com a Gerência/Direção e caso haja necessidade formalize um plano de ação.

Principais origens dos custos dos equipamentos:

– Manutenções preventivas

– Quebras provenientes de mal uso

– Falhas por tempo de uso

PS: Se você está buscando o processo de Acreditação Hospitalar, saiba que o controle do custo de manutenção é um dos requisitos da engenharia clínica.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

limpar formulárioPostar Comentário